Farinheira à Braz


Farinheira à Braz

Não é original mas é bom! Retirei a ideia dum livro do Avillez, salvo erro.Cozi uma farinheira do Fundão em água e sal com hortelã. Bati quatro ovos caseiros aos quais juntei metade da farinheira esfarelada e um pouco de gengibre em pó.

Refoguei ligeiramente uma cebola e dois dentes de alho. Refresquei com vinho branco e juntei a batata palha. Adicionei os ovos e deixei cozer. Moí pimenta por cima.

Empratei num aro, colocando no meio uma camada de azeitonas pretas em fatias e alcaparras. Salpiquei com salsa.

É uma entrada agradável. Tem de se adequar a quantidade de farinheira conforme ela seja mais ou menos forte de sabor.

Experimente e comente!

15 Respostas

  1. mas que bom aspecto,adoro farinheira,e aqui está mais uma maneira diferente de a comer…….bjokas

  2. Gostei da ideia e da apresentação. Parece muito delicioso.

  3. Pode não ser original mas é sempre bom que alguem te lembre destas coisas boas…

  4. Para mim é concerteza original pois não tenho esse livro… Aliás, os blogues funcionam também como livros de receitas, não é?
    Bem, a apresentação está fantástica… Fica chique em qualquer mesa! Sabe, eu acho que lhe tirava a batata palha adaptando para um paté com tostinhas… Hummmm, é melhor nem pensar mais!

  5. Vou comentar antes de experimentar, ok?
    Este é daqueles petiscos que eu iria gostar sem duvida, só não usaria as alcaparras, não morremos de amores uma pela outra.

  6. Pode não ser original, mas para mim foi uma completa surpresa…Adoro farinheira e achei a receita simplesmente maravilhosa. Obrigado por partilhá-la connosco!

  7. Hum, que blog mais apetitoso!

  8. Costumo fazer uma farinheira com ovos mexidos bem simples. A sua tem outra apresentação, adorei o pormenor das azeitonas…
    Quanto às alcaparras, sou do clube da Marizé.

  9. por que já percebi que gosta de bom restaurantes: aqui fica uma sugestão quanto a tailandeses – o Banthai (em Lx, Alcântara). Por acaso, o molho de peixe que usei na receita foi comprado no Supatra – só tenho pena de que, nesse dia, o pad thai que lá comi ter um bocado de gordura a mais…mas uma vez não são vezes e sei que é um bom restaurante, merecendo todo o mérito em relação à divulgação da cozinha tailandesa em Portugal.

  10. Obrigado a todos pelos simpáticos comentários. Provem que vale a pena e é super simples!

    Marizé, podes e deves comentar sempre antes de experimentar. (Não me tinha dado conta da incongruência).Aliás conto com as tuas visitas. Afinal “bebemos” água do Tejo! (rss). As alcaparras são um vício meu, mas fica excelente sem elas.

    Pipoka, obrigado pela sugestão. Um dos objectivos do blog é precisamente a partilha de sugestões de restaurantes. Se me enviar mais pormenores, poderei colocá-lo na página “Comes” do blog.

  11. Óptima sugestão! Vou esperar pelos dias frios para a experimentar!

  12. Tambem gostei muito daqui, Scalabis! Vou voltar! Obrigada pelo link para o Chucrute com Salsicha. Ja retribui, com prazer.🙂

  13. Scalabis, gostei bastante desta receita mas desculpe a minha ignorância : o que é uma farinheira ? (seria um tipo de polenta ?). E, modestamente gostaria de dizer que o jeito informal do teu blog é muitíssimo bom !

  14. Não conhecia esta opção de cozinhar farinheira, adorei! Confesso que fiquei a salivar! A apresentação, mais uma vez, está fantástica =) Bjs!

  15. Ao meu ver me parece um prato bem exótico. Uma bela pedida

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: