Noodles “achinesados”


Sou grande admirador da cozinha asiática, chinesa, tailandesa e japonesa. Dada a especificidade da mesma e a dificuldade em encontrar os ingredientes apropriados, pelo menos aqui em Santarém, as minhas primeiras aventuras asiáticas não foram muito bem sucedidas.

Hoje em dia já se encontram mais facilmente os ingredientes pelo que decidi-me a tentar de novo, até porque os filhotes são loucos pelas massas dos chineses. Isto é apenas a minha versão da coisa, despretensiosa e ignorante, mas que a avaliar pelos pratos no final resultou em cheio.

Comprei uma embalagem de noodles (prefiro-os à massa de arroz), cogumelos asiáticos desidratados, rebentos de soja e uns molhos variados.

Cortei uma cebola em meias luas e laminei 2 dentes de alho que salteei no wok com óleo em lume forte. Juntei carne de porco em pedaços pequenos, um punhado de ervilhas, cenoura e os cogumelos previamente preparados.

Antes de juntar os noodles cozidos em água aromatizada com gengibre e açafrão, adicionei os rebentos de soja e camarão cozido e descascado. Envolvi tudo e temperei com um um pouco de molho de peixe e um pouco de molho de ostra. Aconselho a que provem os molhos antes pois, pela minha experiência, cada marca tem um teor de sal diferente o que pode estragar o prato.

Servi e decorei o prato com uns salpicos adicionais de molho de ostra para dar cor.

Acompanhei com um vinho tinto argentino, o Misterio da Finca Flichman, um produtor que é relativamente fácil de encontrar por cá e que tem boas propostas a preços razoáveis.

Este Misterio de 2005, 100% da casta Shiraz e envelhecido em carvalho por quatro meses revelou-se uma boa surpresa. Um vinho fácil de gostar e beber, onde a fruta impera mas com um um final sofisticado e misterioso. A companhia ideal para o prato.

Bom apetite. Experimente e comente!

4 Respostas

  1. O P também é doido por massas.
    Isto está com excelente aspecto…
    Concordo quando diz que um molho pode estragar tudo, pois já me aconteceu e não foi pelo teor de sal…
    Esse vinho misterioso é muito sugestivo. Eu que até nem sou apreciadora fiquei com vontade de provar!

  2. Scalabis, como eu queria ser sua filhota (não que tenha idade para isso… eheh) mas porque os pratos que apresenta aos seus filhos são sempre do meu agrado. A foto final desta massinha está mesmo uma delícia! O vinho, até sou apreciadora…e quando é frutado, melhor ainda!

    Beijo

  3. As suas “chinesices” têm óptimo aspecto!
    Obrigada pela visita à minha “cozinha”, volte quando quiser. Eu volto de certeza à sua.🙂

  4. Eu também tenho sofrido na pele a dificuldade de encontrar alguns ingredientes, felizmente a pouco e pouco lá vão aparecendo, ás vezes npos lugares mais improváveis.

    Gosto muito de nodles e a minha filhota também, esta chinesice está com óptimo aspecto.

    A carne de porco qual é? Lombo?

    Beijocas

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: